Também ando perdido esses dias . Guilherme Freire e Vítor Ramos

R$110,00

Guilherme Freire e Vitor Ramos trocam correspondências que os conectam em um período de amadurecimento atravessado pela incerteza do futuro imediato e desconexão emocional com o espaço ao redor. Lançados em constante deslocamento pelas suas respectivas cidades – Fortaleza e Natal – os dois jovens usam a fotografia para construir suas identidades a partir de cenas e símbolos familiares da cultura local.

Em estoque

  

Guilherme Freire (Fortaleza, 1995) é artista visual e produtor cultural. Trabalha com fotografia analógica desde 2016, explorando sua relação íntima com o espaço urbano ao redor. Participou de exposições coletivas em Fortaleza e Rio de Janeiro. Recentemente, integrou a mostra virtual “Por Dentro de Um Tempo Suspenso” (2020) e o Painel da Fotografia Cearense Contemporânea 2020. Expôs também em mostras independentes organizadas pelo Coletivo Muvuca, o qual fundou e integrou até 2018.

Vítor Ramos (Natal, 1994) é um fotógrafo acidental. Ao tentar comunicar sua estética percebida, encontrada no cotidiano e nos motifs recorrentes do ser contemporâneo, construiu um corpo de trabalho de fotografia vernacular com estilo que retoma temas da fotografia americana dos anos 70. Está envolvido com a cena local e teve seu trabalho apresentado nas cafeterias de seus amigos em Natal. Profissionalmente, é um engenheiro que pesquisa métodos de matemática aplicada para o processamento de imagens.

Peso 0.4 kg
Dimensões 15.5 × 0.5 × 21 cm
Autor(es)

Guilherme Freire e Vítor Ramos

Título

Também ando perdido esses dias

Editora

Edição dos autores

ISBN

9786500306309

Edição

Ano

2021

Tiragem

200

Local de produção

Fortaleza . Brasil

Idioma

Português

Encadernação

Brochura

Páginas

78

Updating…
  • Nenhum produto no carrinho.